Can’t Buy Me Love


Livro - Can't buy me love de Jonathan GouldOs Beatles são assunto inesgotável. Centenas de livros, artigos e matérias já foram publicados sobre eles. Can’t Buy Me Love, mais recente lançamento da editora Larousse do Brasil, é um livro sobre os Beatles, a Grã-Bretanha e os Estados Unidos nos vinte e cinco anos que se seguiram ao fim da Segunda Guerra Mundial.

 

Os Beatles, a Grã-Bretanha e os Estados Unidos

Livro entrelaça biografia, história cultural e crítica musical.

Fruto de quase vinte anos de pesquisa, o autor Jonathan Gould situa o Fab Four no amplo e tumultuado panorama de seu tempo e espaço e enraíza a história da banda no contexto social que envolveu tanto a ascensão quanto a sua dissolução.

Tomando como ponto de partida a adolescência dos Beatles em Liverpool, Gould descreve as influências seminais – de Elvis Presley e Chuck Berry a The Goon Show e Alice no país das maravilhas – que os moldaram como indivíduos e como banda. Além de analisar a evolução como cantores, compositores e músicos, o autor destaca os avanços na tecnologia de gravação que tornou o som possível e singular, além das evoluções na televisão e no rádio que imprimiram força explosiva ao sucesso da banda.

The Beatles, George Harrison, John Lennon, Paul McCartney e Ringo StarrMúsico profissional, Gould evoca com sensibilidade o apelo atemporal da colaboração Lennon-McCartney e sua emergência como uma das mais criativas e significativas duplas de compositores da história. E lança novas luzes sobre a importância de Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band como primeiro álbum conceitual do rock, algo expresso desde a memorável capa do disco.

Gould desvenda ainda os papéis centrais exercidos nos bastidores pelo empresário Brian Epstein e pelo produtor George Martin, além de creditar a influência exercida na música dos Beatles por contemporâneos como Bob Dylan, Brian Wilson e Ravi Shankar, acompanhando a escalada gradual das rivalidades internas que levaram à separação da banda depois do lançamento de sua última obra-prima, Abbey Road.

Mais significativamente, ao resenhar o impacto revolucionário do grupo sobre a cultura popular na década de 1960, Can’t Buy Me Love joga luz sobre os Beatles como fenômeno carismático de proporções internacionais, cuja energia perene e influência sem precedentes derivam das mudanças nos rumos do destino que transformaram a relação entre a Grã-Bretanha e os Estados Unidos nas décadas que se seguiram à Segunda Guerra Mundial.

Dos beats dos Estados Unidos e dos Angry Young Men da Inglaterra às sombras do Caso Profumo e do assassinato de John Kennedy, Gould captura os desdobramentos de uma era que tornou os Beatles possíveis – e até necessários.

Sobre o autor: Escritor e ex-músico profissional, Jonathan Gould estudou com o eminente baterista de jazz Alan Dawson e trabalhou por muitos anos com bandas e estúdios de gravação. Além de escrever e tocar, Gould formou uma família, atou como político e desempenhou papel ativo na vida da comunidade no interior do estado de Nova York, onde vive há vinte e cinco anos.

 

Can’t buy me love

Autor: Jonathan Gould.

Tradução: Candombá.

Editora: Larousse.

Pág: 752.

Preço: R$ 99,00.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: