Conheça artistas que pretendem conseguir um lugar na política


Conheça artistas que pretendem conseguir um lugar na política

O número de famosos que se envolvem no meio político cresce a cada eleição. Os objetivos para se lançarem como candidatos são variados. Alguns oficializam candidaturas apenas com intenção de autopromoção, outros buscam melhorar os rendimentos bancários no 5º dia útil do mês. Há ainda aqueles usam de seu reconhecimento para atrair muitos votos e consequentemente favorecer o partido através da legenda.

Frank Aguiar, o “Cãozinho dos teclados” foi o primeiro músico a ter sucesso na política. Em 2006 ele foi eleito Deputado Federal, pelo estado de São Paulo, com 144.797 mil votos. Dois anos depois se tornou o vice-prefeito da cidade de São Bernardo do Campo, no ABC paulista. Nas eleições de 2010, alguns nomes chamam atenção e merecem destaque.

Listamos alguns dos artistas, da música brasileira, que pretendem conseguir um lugar no âmbito da política.

Kiko (DEM/SP) – Deputado federal e Leandro (DEM-SP) – Deputado estadual

Os irmãos integrantes do grupo KLB, Leandro e Kiko, disputam pela primeira vez um cargo político. Os estreantes nesse cenário aparecem juntos no horário eleitoral gratuito e levantam a mesma bandeira: “Todos contra a pedofilia”. Além disso, os cantores gravaram apenas um jingle para a representação de suas respectivas campanhas.

Netinho de Paula (PCdoB/SP) – Senador

O ex-integrante do grupo Negritude Jr. iniciou-se na carreira política quando se candidatou para vereador de São Paulo, no ano de 2008. Dois anos após ser eleito, Netinho concorreu ao Senado do estado. O cantor traz como bandeira de campanha a proposta de renovação do cenário político. O seu jingle foi criado a partir da melodia da música “Cohab City”, um dos maiores sucesso de sua antiga banda.

Tiririca (PR/SP) – Deputado Federal

O cantor conhecido por seu breve momento de estrelato ao lançar a música “Florentina” é um dos candidatos mais comentados destas eleições. O também humorista conseguiu toda repercussão de sua candidatura graças à célebre frase do seu jingle: “Pior do que tá, não fica”.

Tati Quebra-Barraco (PTC/RJ) – Deputada Federal

A funkeira conhecida pelos seus sucessos “Fogão Dako” e “Boladona” é candidata no Rio de Janeiro pelo Partido Trabalhista Cristão. A cantora, a partir de um trocadilho com seu nome, criou a marca de sua campanha: “Tati quebra o preconceito”.

Reginaldo Rossi (PDT/PE) – Deputado Estadual

O cantor já teve uma experiência sem êxito no cenário da política. Rossi concorreu para vereador pela cidade de Jaboatão dos Guararapes, em Pernambuco. Na ocasião, obteve apenas 717 votos e agora, disputa uma vaga na Câmara dos Deputados pernambucana.

Hits também estão presentes nas eleições

Algumas músicas consagradas também marcam presença nas eleições.Os candidatos, geralmente, fazem adaptações de grandes sucessos transformando-os em jingles. Dentro dessa melodia, já conhecida, eles mostram as suas principais propostas de campanha.

Essas trilhas nem sempre despertam simpatia por parte do eleitorado, mas são exaustivamente repetidas a ponto de serem decoradas involuntariamente. Grandes artistas como Michael Jackson e a banda Queen tiveram suas músicas parodiadas pelos políticos e usadas para os jingles eleitorais.

A música “Beat It”, um dos maiores sucessos do rei do pop, foi adaptada para a campanha de Lindolfo Pires (DEM – PB), candidato a Deputado Estadual.

Já Claudir Maciel (PPS-SC) , candidato a Deputado Estadual preferiu o rock dos anos 80. Ele escolheu a música “I Want To Break Free”, do Queen, para impulsionar a sua campanha eleitoral.

Há ainda músicas muito conhecidas nacionalmente que serviram de base para a composição de jingles para os candidatos. Eles retiram a letra, não alteram a melodia e inserem uma nova composição.

Jorge Pozzobom, candidato a Deputado Estadual do RS pelo PSDB, parodiou canções que foram sucesso em épocas distintas. Ambas tem em comum o fato de possuírem refrãos repetitivos e grudentos. Jorge entrou na onda dos baixinhos com a paródia da música “Ilariê”, da Xuxa e no embalo de “Rebolation”, hit do grupo Parangolé, gravou outro jingle eleitoral.

Escrito por Bruna Aguiar e Rafael Luis, da redação CifraClub News. siga @cifraclub.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: