Os pernambucanos Babi Jaques e Os Sicilianos


Babi Jaques e Os SicilianosA Sicília é aqui!

Bem-vindos à taverna musical proposta por Babi Jaques e Os Sicilianos. Trajados ao melhor estilo Don Corleone, esses mafiosos trazem um som cheio de influências do blues e do rock. À frente do que podemos chamar de família siciliana, a forte voz da irmã caçula, Babi Jaques. Protegendo as costas da irmã menor, um competente power trio (guitarra, baixo e bateria) faz a instrumentação da banda.

Babi Jaques e Os SicilianosFormada há apenas um ano, a banda reúne músicos jovens, porém experientes, que já rodaram pela cena pernambucana. O rock e o blues parecem ser as maiores referências do grupo, o que não impede o passeio por outros “grooves” e improvisos. A elegância, as letras autorais e a postura do grupo só confirmam que Babi Jaques e Os Sicilianos é a mais nova máfia de Recife.

Influência dos Sicilianos

Babi Jaques e Os SicilianosA banda Babi Jaques e os Sicilianos tem como proposta interligar estilos variados de música de origens e épocas distintas, absorvendo suas características e introduzindo-as em sua criação artística. Tanto que é possível ver em suas músicas um caleidoscópio artístico influenciado pelos Novos Baianos, Itamar Assumpção, Edvaldo Santana, Camille, Cidadão Instigado, Bela Fleck & The Flecktones, Amy Winehouse, Luiz melodia, James Brown, Ambrassband e Medesk.

Babi Jaques e Os SicilianosO grupo não se restringe apenas ao conceito musical, eles possuem uma personalidade forte e coletiva entre eles e agregaram ao seu trabalho características visuais. A intenção é que o público possa identificar essa peculiaridade; a elegância, a cor preta predominante, os adereços e figurino que nos transportam a outro tempo e espaço. Os integrantes da banda fazem parte de uma família siciliana, referenciando ao contexto das lendárias famílias mafiosas italianas, ao melhor exemplo de filmes como “O Poderoso Chefão”, “Os bons companheiros”, “Bugsy”, entre outros.

Histórico da banda

Babi Jaques e Os SicilianosA Banda Babi Jaques e Os Sicilianos começou sua trajetória há um ano, em pouco tempo de estrada vem desempenhando um intenso trabalho de composição e produção musical.

Dentre os trabalhos já realizados contam com o seu EP independente gravado com três faixas, gravação do programa “Oi Novo Som” em SP e os shows calcados em suas composições, no qual se apresentaram:

  • Na livraria Cultura Recife/PE, em 11 de Outubro de 2009.
  • Festival Pré AMP 2010, em 30 de Janeiro de 2010.
  • VIII Festival de Rock Feminino, em 20 de Março de 2010.
  • Gravação do Programa “Oi Novo Som”, em 25 de março de 2010, no stúdio Showlivre, em São Paulo/SP.
  • Teatro da Vila, 27 de março de 2010.
  • Da Ladeira Abaixo, em 22 de Maio de 2010.
  • Festival de Arte da UFPE, em 18 de Maio de 2010.
  • Circuito Alternativo de Música, de 5/5 à 6/6 de 2010.
  • Rizamo Labo, em 15 de Maio de 2010.
  • Gravação Independente do EP “Babi Jaques e Os Sicilianos”, em em Julho de 2010, Com 6 faixas, gravado e masterizado no Zuela estúdio, por Alexandre Barros.
  • Radiola de Ficha, em 2 de julho de 2010.
  • Casa de seu Jorge, em 9 de Julho de 2010.
  • Livraria Cultura, em 17 de Julho de 2010.
  • A Obra bar Dançante, em 22 de julho de 2010.
  • 30º Festival de Música de Alvinópolis/MG, em 24 de julho de 2010.
  • Festival da Canção de Conceição do Mato Dentro/MG, em 30 de julho de 2010.
  • Livraria da Esquina, em 5 de agosto de 2010.
  • Noite Fora do Eixo, em 11 de agosto de 2010.
  • 24º Festival da Moenda, em 21 de agosto de 2010.
  • Fenacan: Festival da Cana e da Rapadura, em 22 de agosto de 2010.
  • AR Festival 2010, em 5 de setembro de 2010.
  • IX FEMPEL: Festival de Música de Pedro Leopoldo (MG), em 17 a 19 de setembro de 2010.

Integrantes

Alexandre Barros

Alexandre, da banda Os Babi Jaques e Os SicilianosAlexandre Barros é estudante de música da UFPE e professor de educação musical onde desenvolve um método de ensino da música para pessoas com síndrome de down. Começou tocando profissionalmente aos 16 anos e já tocou e gravou com artistas como Pax Nindi (Inglaterra), Samba Le Group (França), Sergio de Andrade, Velho Ziza e Andrea Amorim. Também é cantor, compositor, técnico de som e atua na produção de jingles e trilhas sonoras comerciais. Entre 2008 e 2009 ministrou workshops de música brasileira e masterclass de bateria aplicada na música brasileira na Europa. É o irmão responsável e a cozinha da casa siciliana, com seus grooves influenciados por bateristas vanguardistas como Gigante Brasil e Roy El Futureman.

Babi Jaques

Babi, da banda Os pernambucanos Babi Jaques e Os SicilianosA jovem cantora e compositora pernambucana Babi Jaques se envolveu com a música cedo. Começou cantando aos 11 anos e desde então tem participado com suas composições de vários festivais pelo país, como Femupa (PA), Pré-amp (PE), Festival de Inverno de Garanhuns (PE) e Festival da Canção (TO). Participou da banda Bossaassim (Beatles em bossa) bem como de bandas de Rock’n’Roll e Blues. Hoje integra a família siciliana, no grau parentesco de irmã caçula, dando o toque feminino com suas letras, composições musicais e sensualidade.

Thiago Lasserre

Thiago, da banda Babi Jaques e Os SicilianosThiago Lasserre é um instrumentista e compositor, tem trabalhos com percussão, violão, cavaquinho, banjo e contrabaixo. Participou em projetos ao lado de Sérgio de Andrade (Banda de Pau e Corda), Gerlane Lops, Mio Matsuda (Japão), Andrea Amorim, Isabela Moraes dentre outros. Hoje integra a família siciliana, sendo o irmão mais velho, como contrabaixista.

Well

Well, da banda Babi Jaques e Os SicilianosTendo vivenciado desde cedo o rock, o blues e a cena underground recifense, o guitarrista Well, hoje estudante de música da UFPE, trás em suas criações a fusão das músicas já consagradas com as guitarras psicodélicas contemporâneas, tudo isso com um toque de nordestinidade. Hoje trabalha com Sérgio de Andrade (Banda de Pau e Corda) e a Banda Profiterolis. Peça fundamental na família siciliana, o irmão rebelde é a base harmônica e o instrumento solo.

Links

Contatos com a banda pernambucana

Fale com a galera pernambucana através de Thiago Lasserre, pelo email da banda babijaqueseossicilianos@gmail.com ou no telefone (31) 9253-5159 ou o celular (81) 8871-3438. Se preferir, use o Skype “babijaqueseossicilianos”.

Vídeos da banda

Palavras

Manequim Maquiado

Lágrimas do Palhaço

Fonte: Texto de Pedro Nakano.e extraído do site da banda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: